Project Description

Autores: Domingos Tabajara de Oliveira Martins, Eduarda Pavan, Karuppusamy Arunachalam, Amílcar Sabino Damazo
País de desenvolvimento: BR
Ano de desenvolvimento: 2020
Categoria da patente: Produto e uso
Número da patente: BR 10 2020 009660 5

Resumo: A presente invenção se trata do desenvolvimento de um fitoterápico obtido a partir do extrato de folhas secas de Piper umbellatum e seu uso para tratamento de doenças inflamatórias intestinais. Para tanto, avaliou-se a atividade e os mecanismos envolvidos no efeito antiinflamatório intestinal do extrato hidroetanólico das folhas de P. umbellatum (EHPu) na colite ulcerativa induzida em ratos. Os animais foram pré-tratados via oral (v.o) com EHPu (30, 100 e 300 mg/kg), mesalazina (500 mg/kg) ou veículo (Tween 80 a 2%, 10 mL/Kg p.c.). Os sinais clínicos do desenvolvimento da doença foram analisados pela determinação de perda de peso, danos macroscópicos, área ulcerada e alterações histológicas. As concentrações teciduais de glutationa (GSH) e malonaldeído (MDA) e as atividades da superóxido dismutase (SOD), mieloperoxidase (MPO) e catalase (CAT) foram determinadas. As concentrações dos mediadores pró-inflamatórios como óxido nítrico (NO), fator de necrose tumoral alpha (TNF-a) e interleucina 1 beta (IL- 1ß) foram quantificadas por imunoensaio de esferas magnéticas de fluorescência codificada. O tratamento com EHPu reduz significativamente a perda de peso, dano macroscópico, área ulcerada e danos histopatológico como edema, infiltrado celular, ulceração e necrose (p < 0.001). Além disso, o EHPu (30, 100, e 300 mg/kg, v.o) reduz os níveis de parâmetros oxidativos como MPO (49,37%, 52,85%, e 61,69%, p < 0,001) e MDA (75,50%, 83,01%, 70,34%, p < 0.001), e aumenta a atividade antioxidante por meio de SOD (208,57%, 192,50%, 64,42%, p < 0.001), GSH (94,66%, 75,13%, 49,11%, p < 0,01), e CAT (92,30%, 69,23%, 107,69%, p < 0,01). O extrato reduz os níveis de NO (20,53%, 18,93%, 21,93%, p < 0,01) e das citocinas pró-inflamatórias TNF-a (81,40%, 85,35%, 85,20%, p < 0,001) e IL-1ß (94,73%, 78,94%, 89,47%, p < 0,001). Em conjunto, os resultados revelaram que o EHPu é um promissor fitoterápico para o tratamento de doenças inflamatórias intestinais.

Tem interesse nesta patente? Fale conosco!